dieta para gastrite

A gastrite é uma inflamação ou infecção do revestimento do estômago. Sua causa mais provável é a fraqueza da barreira mucosa que protege a parede estomacal, permitindo que os sucos digestivos causem danos ao tecido que reveste o órgão. Isso pode ser causado pela bactéria Helicobacter pylori, que vive no estômago, e que se não for tratada pode levar ao surgimento de úlceras e câncer no estômago. A gastrite pode ser crônica, aguda ou nervosa.

Ela pode ser desencadeada por: uma colonização por bactéria; pelo uso de medicamentos por tempo prolongado, atingindo a mucosa intestinal, como os anti-inflamatórios e o ácido acetilsalicílico; pelo aumento da secreção ácida do estômago por estresse, como no caso da gastrite nervosa; e ainda por intolerância a alguns alimentos que irritam a mucosa gástrica.

 

Sintomas da gastrite

Uma crise de gastrite se constata na presença dos seguintes sintomas:

  • Dor de estômago constante e em forma de pontada;
  • Sensação de enjôo ou de estômago muito cheio;
  • Barriga inchada e dolorida;
  • Digestão lenta e arrotos frequentes;
  • Dor de cabeça e mal-estar geral;
  • Perda de apetite, vômitos ou ânsia de vômito.

 

Tratamento para a gastrite

tratamento para gastrite

Seu tratamento inclui uma medicação específica, mas a alimentação também é muito importante no processo de atenuamento dos sintomas e na cura. A Dieta para gastrite é baseada em alimentos naturais e rica em frutas, vegetais e alimentos integrais. Desse modo, ela facilita o processo de digestão, fazendo com que os alimentos passem rapidamente pelo estômago, evitando que o ácido estomacal seja liberado em excesso. Quando isso acontece, ocorrem a azia, as dores e o agravamento da gastrite e da úlcera.

Os alimentos permitidos incluem as opções de fácil digestão e pobres em gordura. Já os alimentos proibidos são aqueles muito processados, ricos em aditivos e conservantes que irritam o estômago e de difícil digestão.

 

Alimentos permitidos na dieta para gastrite

  • Frutas em geral. No entanto, deve-se evitar frutas ácidas com o limão, a laranja e o abacaxi caso apareçam refluxos ou dores ao consumir esse alimentos;
  • Vegetais em geral. Legumes cozidos podem ser usados durante períodos de crise e dor intensa, porque são mais fáceis de digerir;
  • Carnes magras. Sem gordura, dê preferência para carnes de frango e peixe, assadas, grelhadas ou cozidas;
  • Leite desnatado;
  • Iogurte natural integral;
  • Grãos integrais como o pão, arroz e macarrão integral;
  • Chás. Contudo, evite chás que contenham cafeína, como o verde, o mate e o preto;
  • Café descafeinado;
  • Queijos brancos como a ricota, o minas frescal e o coalho light;
  • Temperos naturais como ervas finas, salsinha, coentro e mostarda.

 

Alimentos proibidos

  • Carnes processadas como salsicha, linguiça, bacon, presunto, peito de peru, salame e mortadela;
  • Queijos amarelos e processados como cheddar, catupiry, minas e provolone;
  • Molhos prontos;
  • Temperos em cubo, caldos de carne e macarrão instantâneo;
  • Comida pronta congelada e fast food;
  • Bebidas como refrigerantes, sucos prontos, café, chá verde, mate ou preto;
  • Bebidas alcoólicas;
  • Açúcar e doces em geral;
  • Alimentos refinados e frituras, incluindo pães brancos, bolos, salgados e biscoitos;
  • Farinhas brancas como farofa e tapioca;
  • Alimentos ricos em gordura.

É importante evitar o jejum prolongado e fazer refeições de três em três horas. Essa dieta deve ser feita por pelo menos dois meses, para evitar que outras crises se ocasionem da alimentação.

gastrite dieta

 

Dicas para se livrar da gastrite

Evite alimentos picantes. Suas propriedades podem agravar um quadro já iniciado de gastrite. Durante uma crise, nunca consuma alimentos apimentados.

Beba muita água. A água ajuda na liberação de toxinas, e também a manter o corpo hidratado. Ela impede que os sintomas da gastrite se manifestem. É recomendável que você beba de 8 a 10 copos de água por dia.

Consuma produtos lácteos com baixo teor de gordura. Eles ajudam no controle da secreção gástrica, evitando a irritação da parede do estômago e a erosão.

Beba água de coco. Ao sentir o início de uma crise, a água de coco pode ajudar. Ela descansa o estômago e nutre o aparelho digestivo com vitaminas e minerais.

Experimente bebidas com frutas e vegetais. Os sucos de cenoura e espinafre podem ajudar na prevenção e no alívio de sintomas da gastrite. Existem vários outros vegetais e frutas que podem ser combinados em deliciosos sucos para combater os sintomas dessa infecção.

Evite o estresse. O estresse pode desencadear inúmeras doenças, além da gastrite nervosa. Procure identificar os fatores que lhe estressam e tente diminuí-los ou atenuá-los.

Aproveite suas refeições. Comer com pressa pode prejudicar a digestão e agravar os sintomas da gastrite. Coma com calma, e tire um momento para fazer suas refeições.

Evite o cigarro e o álcool. Eles podem estimular a produção do ácido clorídrico pelo estômago, elevando demasiadamente a acidez local. Isso pode contribuir para o aparecimento ou piora da gastrite.

Leia também: Como Fazer a Dieta de 21 Dias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *